26.1.16

Concurso 50/50


No sentido de empreender estratégias focadas em políticas de reforço e ligação dos cidadãos nacionais emigrantes a Portugal e, especificamente à sua comunidade de origem, o Alto Comissariado para as Migrações, I.P, encontra-se a promover o Concurso 50/50 (www.50por50.pt), que tem como principal objetivo envolver os portugueses emigrados pelo mundo como agentes de inovação e de desenvolvimento territorial. Numa lógica de subsídio equivalente e na perspetiva de crowdfunding, o ACM, I.P. e os emigrantes poderão financiar ideias com impacto social que demonstrem responder de forma clara, inovadora e sustentável a necessidades locais. Em largo espectro na resolução de problemas sociais, culturais, económicos e ambientais

No âmbito do concurso, já foram pré-aprovadas 50 ideias apresentadas por instituições com causas sociais e humanitárias, encontrando-se atualmente a decorrer a fase de angariação de emigrantes apoiantes pelo que, apenas os concorrentes que recolherem 50%, em donativo, para a execução da(s) ideia(s), poderão receber o apoio dos restantes 50%, por parte do ACM, I.P

Relativamente ao Emigrante Apoiante, para apoiar uma ideia, bastará seguir os seguintes 4 passos: 

1º passo: Registe-se na plataforma em www.50por50.pt
2º passo: Conheça todas as ideias em http://50por50.pt/ideias/
3º passo: Clique em “Financiar” nas ideias que pretende apoiar
4º passo: Assim que for notificado, contribua num prazo de 5 dias úteis.

Até dia 31 de julho poderá apoiar quantas ideias desejar.

GARE – Gabinete de Apoio ao Regresso Emigrante
gare@acm.gov.pt

14.1.16

ELEIÇÕES PARA A PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA – PORTUGAL 2016


A votação decorrerá na Embaixada de Portugal em Otava, nos dias 23 e 24 de janeiro:
- Dia 23, entre as 8:00am e as 7:00pm
- Dia 24, entre as 8:00am e as 3:00pm

Caso seja necessário um 2º sufrágio (chamada 2ª volta), a votação decorrerá nos dias 13 e 14 de fevereiro.

Pode votar o cidadão de nacionalidade portuguesa que esteja devidamente recenseado nesta Secção Consular. O cidadão poderá verificar se está recenseado na Secção Consular através do site: www.recenseamento.mai.gov.pt/index.html

Se não estiver recenseado nesta Secção Consular, não poderá aqui votar pois os cadernos eleitorais fecharam 60 dias antes do ato eleitoral.

Para exercer o seu direito de voto, o cidadão deverá apresentar um documento de identificação (Cartão de Cidadão ou outro documento oficial com fotografia atualizada).

Para informações mais detalhadas, poderá ser consultada a Lei Eleitoral do Presidente da República DL n.º 319-A/76, de 3 de maio aqui , e também aqui.


Arquivo - Archive

Followers