31.3.14

Terceiro maior grupo de distribuição mundial elegeu dois vinhos da CAAR como "Vinhos do Ano".




O Grupo Metro, de origem alemã e o terceiro maior grupo mundial em distribuição, elegeu dois vinhos produzidos pela CAAR como “Vinhos do Ano”.

As escolhas, que recaíram sobre os vinhos Insólito (Tinto 2012 e Branco 2013), têm origem no projeto MCCI Wine of the Year 2014, do grupo alemão Metro, representado em Portugal pelas lojas Makro.

Para a CAAR, estas duas nomeações vão permitir que o vinho Insólito consiga uma forte projeção internacional, através da presença nas 750 lojas do Grupo durante o ano de 2014.

A escolha, levada a cabo pela equipa da Metro Cash & Carry Wine Core Team, assentou no trabalho de um comité de provas, constituído por cinco sommelier de elevada experiência. Os vinhos Insólito foram desenvolvidos pelos comités de prova da Makro Portugal e Espanha, em parceria com os enólogos das adegas.

O Insólito Tinto 2012 é um vinho proveniente de um lote de Aragonez, Touriga Nacional, Syrah e Alicante Bouschet e o Insólito Branco 2013 junta as castas Antão Vaz, Arinto e Verdelho.

Em 2014, a CAAR espera alcançar a produção de 3 milhões de garrafas, estimando que as suas vendas cresçam cerca de 20%. Mas a prioridade estratégica da empresa continua a ser o mercado externo, que equivale 65 por cento do seu volume de negócios.

No mercado internacional, a aposta da CAAR passa por consolidar a presença nos mercados onde já está presente (EUA, Brasil, Bélgica, Áustria, Alemanha, Holanda, Inglaterra, Irlanda, Angola, China, França e Timor), alargando a distribuição aos Estados Unidos da América e a Inglaterra, e chegar a novos mercados africanos e asiáticos.

Localizada no Redondo, a CAAR foi fundada em 1997 por Alexandre Relvas e dedica-se à produção e comercialização de vinho regional alentejano.

Esperemos que este vinho chegue ao Canadá.
  
 2014-03-31
Cascais foi considerado o melhor destino sustentável do mundo, na Feira Internacional de Turismo em Berlim. Entre as mil candidaturas apresentadas, o município de Cascais foi o premiado com o “Vistas – VISION Innovation for Sustainable Tourism Awards 2014” pelo trabalho na recuperação ambiental da Duna da Cresmina e do Pisão. Parabéns!

Artigo do The National (30.03.13): "My Kind of Place: Lisbon"

 


Leia o artigo completo, aqui.

Economia portuguesa mostra sinais de dinâmica internacional.



Leia o artigo do Económico, aqui,

Apresentação da Plataforma "Study in Lisbon"



A Plataforma Study in Lisbon, uma plataforma electrónica agregadora de informação que visa atrair e reter talentos posicionando a cidade de Lisboa como um hub global nos domínios do conhecimento e da inovação, vai ser apresentada no dia 19 de Março, às 11 horas, na Sala do Arquivo dos Paços do Concelho.

Assente no desígnio de “Lisboa, Cidade Erasmus”, a Plataforma tem como parceiros iniciais a Universidade de Lisboa, a Universidade Nova, o ISCTE-IUL, a Universidade Aberta, a Universidade Católica, o Instituto Politécnico de Lisboa, a FLAD, o Fulbright e a ESN Lisboa.

Durante a sessão será assinado um Memorando de Entendimento com o GaragErasmus Foundation, que marcará a adesão de Lisboa como membro fundador.

A garagErasmus, a primeira rede profissional de mais de três milhões de ex-alunos do programa Erasmus, tem como objectivo combater o desemprego e estimular o empreendedorismo jovem a nível europeu. 

Além de ter criado uma parceria com a Comissão Europeia, a garagErasmus está a desenvolver uma aliança entre entidades públicas e privadas para a realização dos seus objectivos e projectos.

Mais informações no portal http://www.studyinlisbon.pt/ 

AICEP,

Número de empresas exportadoras aumentou 20% em dois anos.



Leia o artigo completo do Público, aqui.

28.3.14



Portugal é o mais inovador entre os países do sul da Europa

 



Portugal subiu duas posições no Barómetro da Inovação da Cotec e da consultora Everis e ocupa, agora, o 29º lugar entre 52 países analisados. Esta evolução positiva coloca o país na liderança no sul da Europa e à frente da média da Europa Central e Oriental (Polónia, Hungria, República Checa, Estónia, Eslovénia, Letónia, Lituânia, Eslováquia).

O índice global, apresentado esta quinta-feira em Lisboa, agrega resultados obtidos em vários estudos sobre inovação e os 52 países também acompanharam a tendência de crescimento. O valor médio situou-se nos 3,62 pontos, uma subida de 0,11 pontos face à edição do ano passado. A Suíça continua a liderar o indicador de inovação, seguida da Finlândia, Dinamarca, Suécia e Alemanha. No fim da tabela estão o Paraguai, a Roménia, a Bulgária, a Grécia e a Venezuela.

Apesar da evolução positiva, Portugal mantém-se abaixo da média global e da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico). Aliás, considerando apenas os países que compõem esta organização é o nono pior classificado, destacando-se apenas em pilares dedicados ao “empreendedorismo” e “rede de contactos”. Face à União Europeia (a 27), está quatro posições abaixo da média.

No sul da Europa, Portugal é o melhor colocado, ultrapassando Espanha depois de, no ano passado, ter perdido esta corrida. Também está à frente de Itália, que ocupa o 32º lugar.

No entanto, a recuperação de Portugal não altera o perfil que tem vindo a ser traçado neste estudo que a Cotec, Associação Empresarial para a Inovação, começou a elaborar em 2010. Continua a ser um país "cigarra", ou seja, incapaz de transformar a inovação em resultados concretos e com impacto na economia e na sociedade, tal como acontece em outros 14 países (é o caso, por exemplo, do Canadá). Tem pontuações mais elevadas nos indicadores sobre as condições e os recursos disponíveis, e inferiores nos temas relacionados com resultados ou “processos”. Está, ainda, entre os países considerados como “inovadores moderados”, a par da Austrália, China ou Israel. Geograficamente, os países líderes em inovação estão distribuídos pelo Norte e Centro da Europa.

Emigração penaliza resultados
Em termos globais, Portugal consegue subir em oito dos dez indicadores analisados. As diminuições face ao ano passado ocorrem nas áreas de “capital humano” – a primeira quebra desde 2011 -, e "aplicação de conhecimento". A falta de qualificação, “aliada à recente onda de emigração impactam seriamente o capital humano”, diz o estudo, que também destaca a menor despesa em educação, o menor número de doutorados e as “crescentes dificuldades em atrair e reter talento”. Quanto à aplicação de conhecimento, em causa está a “falta de crescimento da produtividade”, que “limita a actividade nacional”. Além disso, Portugal “continua a não recorrer a patentes como forma de proteger as suas inovações”, sustenta o documento.

Apesar de ter conseguido evoluir este ano num cenário global, Portugal está entre o grupo de países com pior desempenho na eficiência judicial, no impacto dos impostos sobre o trabalho e o investimento e na falta de colaboração entre as Pequenas e Médias Empresas (PME). Além disso, destaca-se pela negativa pelo baixo emprego e exportações em alta tecnologia, e um baixo valor acrescentado bruto da inovação. O pilar relacionado com o financiamento teve a maior quebra do estudo, de quase 30%, impulsionada pela descida na concessão de crédito às empresas e às famílias.

Público, 2014-03-28 

26.3.14



Galp e Altri têm os melhores 'investor relations officers' da Europa

 



Tiago Villas-Boas, da Galp, e Ricardo Mendes Ferreira, da Altri, foram ontem distinguidos como os melhores 'investor relations officers' da Europa no seu sector. Os prémios, os mais prestigiados da indústria europeia, são promovidos pela "Institutional Investor", que reúne várias publicações financeiras internacionais e conta com quase 50 anos de história. 

Ainda entre os portugueses, António Horta- - Osório levou para casa o prémio de melhor CEO no sector da banca, pelo trabalho desenvolvido à frente do Lloyds.

Os prémios resultam de mais de 2.000 inquéritos realizados junto de gestores de fundos ('buy side') e analistas ('sell si- de') em toda a Europa. Tiago Villas-Boas fez o pleno, sendo distinguido quer no 'buy side', quer no 'sell side', como o melhor 'investor relations officer' da Europa no sector de 'Oil & Gas'. O responsável pelas relações com os investidores da Galp diz que o seu sucesso não tem segredos, pelo contrário: "A transparência e o rigor para com o mercado de capitais são factores críticos de sucesso na área de relações com investidores". E explica: "Estas distinções só são possíveis com muito trabalho e também com o respeito que temos pelos nossos analistas e investidores para os quais estamos sempre disponíveis, o que também permite avaliar e antecipar a cada momento as principais preocupações e expectativas da comunidade financeira internacional."

Tiago Villas-Boas foi ainda eleito como o melhor profissional da sua área em Portugal. "No fundo, acaba por ser o resultado de um trabalho contínuo, de muitos anos, durante os quais fomos ganhando muita credibilidade e respeito", comenta ao Diário Económico.


Já Ricardo Ferreira, da Altri, conquistou o primeiro lugar no sector de 'Paper & Packaging' mas pelo lado dos analistas.
Os 'investor relations' da Galp e da Altri não foram, no entanto, os únicos portugueses a figurar em lugares de pódio. António Mexia, CEO da EDP, obteve a segunda melhor votação por parte dos gestores de fundos europeus, e a terceira melhor entre os analistas, na categoria das 'Utilities'. Ainda na EDP, Miguel Viana foi o segundo melhor 'investor relations officer' do sector no 'sell side'. Entre os CEO portugueses, destaque ainda para Paulo Fernandes, da Altri, votado pelos analistas como o segundo melhor do sector na Europa.

A nível europeu, e considerando o peso ponderado de todas as categorias sujeitas a votação, a holandesa Airbus foi a grande vencedora da última edição dos prémios Tnstitutio- nal Investor'. A Iberdrola e a francesa Technip - que opera na área de engenharia de in- fraestruturas para exploração de 'oil & gas' - asseguraram o segundo e terceiro lugar, respectivamente. A empresa portuguesa melhor classificada na votação global foi a Galp, na 63- posição, seguida pela EDP, no 91e posto. 

"Acaba por ser o resultado de um trabalho contínuo, de muitos anos, durante os quais fomos qanhando credibilidade e respeito", diz Tlaqo Villas-Boas da Galp.

 

 


25.3.14



Mateus entre as 50 marcas de vinho mais admiradas do mundo


 

Mateus, a icónica marca de vinho rosé da Sogrape Vinhos, acaba de integrar o top das 50 marcas de vinho mais admiradas do mundo, publicado pela prestigiada publicação Drinks International.

A nomeação resultou de uma prova que reuniu um painel de mais de 200 profissionais da indústria do vinho, da qual saiu Mateus saiu vencedor, sendo a única marca portuguesa a figurar na lista e ocupando a 37ª posição no ranking.

Para a Sogrape Vinhos, “esta distinção é motivo de satisfação e orgulho, não apenas porque Mateus se tem mantido ao longo dos anos entre as marcas mais admiradas do mundo como também porque figura no top numa posição honrosa, competindo com marcas de reputação inquestionável como Château Margaux, Château d’Yquem, Casillero del Diablo e Jacob’s Creek”.

A publicação distingue anualmente como World’s Most Admired Wine Brands marcas de vinhos que se destaquem, entre outros aspetos, pela consistência e pela qualidade dos vinhos, assim como pelo seu nível de atratividade no mercado global.

AICEP




Permanência Consular em Edmonton

 


Informa-se que o Consulado-Geral de Portugal em Vancouver irá realizar, de 4 a 6  de  abril,  uma permanência consular na  Província  de  Alberta, no  Centro  Cultural Português Rio Lima, 12964 52th Street N W, Edmonton, AB, T5A 0B8.

Leia o comunicado completo aqui.

24.3.14

1º Encontro Vocal Luso-Canadiano, 14 a 18 abril

Castelo Branco, Torres Vedras e Lisboa

 


Veja o programa aqui.

Para mais informações, consulte o portal.


20.3.14

Declaração de amor do "Washington Post" a Lisboa.




"Os elétricos, o rio Tejo, as roupas coloridas nos estendais, as mulheres de rosto enrugado à janela, o som do Fado numa esquina, mas também a história e a saudade. O jornal Washington Post andou por Lisboa e apaixonou-se. 


Numa série de reportagens especiais sobre viagens e turismo, o jornal norte-americano andou por várias cidades europeias.


O artigo de Lisboa ficou a cargo de Anja Mutic, uma escritora de origem croata que vive em Nova Iorque há 15 anos, que viaja pelo mundo e já escreveu para a National Geographic, Washington Post, The Wall Street Journal, New York Magazine, BBC Travel, entre outros.


No texto, a escritora diz que já perdeu a conta das vezes que visitou a capital portuguesa e que o marido viveu 14 anos em Lisboa.


Desta vez, a visita começou pela Baixa, a bordo do elétrico 28, onde destaca a «recente renovação» do Terreiro do Paço, «com cafés, restaurantes, museus e, nos dias mais soalheiros, multidões de turistas de câmaras na mão».


Depois são as colinas de Lisboa, «com a sua beleza envelhecida escondida em labirintos de vielas», «as ruas pavimentadas com calçada portuguesa e a arquitetura neoclássica da Baixa Pombalina, construída após o sismo devastador de 1755»."

Fonte: TSF

Leia o artigo completo do "Washington Post", aqui.

Turismo em Portugal volta a crescer



Dormidas crescem 10,1%, sendo que este desempenho é justificado com o contributo dos turistas nacionais e estrangeiros. 

Depois de ter fechado 2013 com crescimentos recordes em receitas e dormidas o sector do turismo volta a surpreender pela positiva. De acordo com os dados da actividade turística divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), no primeiro mês de 2014, a hotelaria registou 1,7 milhões de dormidas, uma subida homóloga de 10,1% e mais 8,6% face a Dezembro do ano passado.

O INE justifica este desempenho com o contributo dos turistas residentes, cujas dormidas em unidades hoteleiras aumentaram 9,6%, assim como dos não residentes que, em Janeiro mantiveram o crescimento de Dezembro, 10,3%. No que se refere aos principais mercados emissores o destaque vai para os crescimentos das dormidas dos hóspedes oriundos da Irlanda, França e Brasil. O mercado britânico, com uma quota de 22,8%, subiu 7,4%.

Os proveitos no sector atingiram os 77 milhões de euros, mais 6,4%, enquanto o RevPar (rendimento médio por quarto disponível) subiu 7,6%. Por regiões, as dormidas no Norte e em Lisboa cresceram 13%, seguidos da Madeira com um crescimento de 12,9%. Os dados do INE revelam ainda que a taxa de ocupação situou-se em 22%, mais 1,7 pontos percentuais face ao mesmo período em 2013.

Fonte: Dírcia Lopes, Económico

Alarga-se o mapa do vinho em português

 


"O vinho é uma referência cultural nos países da lusofomia, mas durante muito tempo só mesmo Portugal o produzia. Nos últimos anos, o cenário mudou: o Brasil produz cada vez mais e melhor, Cabo Verde aperfeiçoou os seus néctares da ilha do Fogo, Angola e Moçambique preparam-se para entrar no mapa. O vinho português é cada vez mais universal."

Leia a reportagem completa da "Revista de Vinhos", aqui.

Portal da "Revista de Vinhos", aqui.

17.3.14

Sintra foi incluida na lista "10 breathtaking towns in Europe you probably never heard of", publicada recentemente na "tripadvisor".


Leia o artigo completo, aqui.

Portal da Imigração da UE



Comunica-se que a versão em língua portuguesa do Portal da Imigração da União Europeia se encontra disponível desde o dia 12 de março e pode ser acedida através do seguinte endereço:



O Portal da Imigração é um site na Internet que visa prestar informações práticas e atualizadas aos cidadãos de países terceiros que pretendam instalar-se nos países da UE. Disponibiliza mais de seiscentas páginas de texto sobre a legislação, politicas e procedimentos de imigração nos vinte e oito Estados – membros da EU, bem como a ligação a fontes de informação relevantes nesta matéria.


Recorde-se que o Portal da Imigração é uma iniciativa da Comissão Europeia que foi lançada em 2011 com o objetivo de promover a imigração legal e descrever os riscos relacionados com a imigração irregular, tais como o tráfico de seres humanos.


A presente versão em língua portuguesa é resultado de uma proposta de Portugal e de um esforço conjunto das autoridades nacionais (Ministério dos Assuntos Internos e Ministério dos Negócios Estrangeiros), em colaboração com a Comissão Europeia (DG HOME). Esta cooperação deverá prosseguir para efeitos da atualização anual dos conteúdos da versão portuguesa do Portal.

Para maior informação sobre a divulgação que a nova versão do Portal tem tido no âmbito da UE consultar:



13.3.14

Air Canada Rouge launches new 2014 summer route to Lisbon


Toronto-Lisbon: new three times weekly service from June 21 to September 21, 2014. Departing Toronto on Monday, Wednesday and Saturday, and from Lisbon on Tuesday, Thursday and Sunday.

For more information, please consult Air Canada Rouge website:
http://www.aircanada.com/rouge/en/index.html

20 motivos para viajar até Portugal



Leia o artigo da Condá Naste Traveller completo aqui.
L’Ambassade de Suisse à Ottawa participe au 12ème festival du film Diverciné avec la projection du film
 
« Les Grandes Ondes (à l’ouest) »
 
 
 
Le dimanche 16 mars 2014, à 19h00 au cinéma ByTowne, 325 Rue Rideau, Ottawa
 
 
Réalisé par Lionel Bayer
Avec Valérie Donzelli, Michel Vuillermoz, Patrick Lapp, Francisco Belard, Paul Riniker, Jean-Stéphane Bron
En français et portugais avec sous-titres en français
Suisse, 2013, 85 minutes
 
Avril 1974, deux journalistes de la radio suisse sont envoyés au Portugal pour y réaliser un reportage sur l’entraide helvétique dans ce pays. Bob, technicien proche de la retraite, les accompagne à bord de son fidèle combo VW. Mais sur place, rien ne se passe comme prévu: entre les projets de coopération laissés à l’abandon, ceux qui servent de caution aux thèses colonialistes des adeptes de Salazar, la tension est à son comble entre Julie, la féministe, et Cauvin le reporter de guerre roublard. La bonne volonté de Pelé, le jeune traducteur portugais, n’y fait rien: la petite équipe déclare forfait. Mais le vent de l’histoire pousse le Combi VW en plein cœur de la révolution des Œillets, transformant Cauvin en héros du peuple alors qu’il ne parle pas un mot de portugais, Julie en passionaria pas aussi libérée qu’elle ne l’imaginait et Pelé en révolutionnaire motivé bien qu’allergique aux œillets. Quant à Bob, il n’est pas question que la liberté sexuelle que toute la jeunesse européenne réclame depuis mai 68 lui échappe en cette belle nuit d’avril 74. Quand la démocratie passe à côté de soi, il faut être prêt à la saisir, coûte que coûte, même au prix de la désobéissance civique, pourtant péché capital pour les Suisses
 
Pour plus d’informations au sujet du 12ème  Festival de film Diverciné et au sujet du prix des billets, veuillez consulter : http://www.divercine.com/
  

Les Grandes Ondes / Longwave - Official Trailer

 

12.3.14

O Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Dr. Rui Machete, com o Embaixador de Portugal no Canadá, Dr. José Moreira da Cunha, e o Cônsul-Geral em Toronto, Dr. Júlio Vilela, no decurso da recente visita do Presidente da República.



7.3.14

The University of Porto ranked among the best in the world – Portugal


The University of Porto, Portugal, is among the world’s 200 best universities ranked in seven of the 30 fields of study by the QS World University Rankings by Subject, one of the leading international rankings for higher education.

In the report published by Quacquarelli Symonds World University Rankings, more than 3,000 universities and 10,000 courses around the world were analyzed for the study, using three quality indicators in each field: academic reputation, reputation as an employer, and scientific output.

The University of Porto is part of the “world elite”, as QS describes the top 200, in the following fields: Agriculture and Forestry, Ocean and Earth Sciences, Law, Civil Engineering, Electro-technical Engineering, Chemical Engineering, and Pharmacy and Pharmacology.

In September of last year, the University of Porto was listed as the best-placed institution in Portugal in the QS World University Rankings, based on a general assessment of higher education. It was 343rd out of 800 universities around the world.

Established in the 18th century, the University of Porto is currently the largest education and research institution in Portugal. It offers over 700 programs by over 2,300 teachers (71% of which hold PhDs) to about 31,000 students. Its 1,700 administrative staff attends to 15 schools and 69 scientific research units, spread across 3 university campuses located in the city of Porto.

Based in the United Kingdom, Quacquarelli Symonds World University Rankings is regarded as one of the three most influential university rankings in the world, along with the Times Higher Education World University Rankings and the Academic Ranking of World Universities.

paj.lusa.staff

Os Deputados Maria João Ávila e Carlos Páscoa acompanharam a visita do Presidente da República a Toronto, a convite pessoal do Chefe de Estado.

 

 

 

O Presidente do Governo Regional dos Açores, Dr. Vasco Cordeiro, acompanhou a visita do Presidente da República a Toronto, na qualidade de convidado pessoal do Chefe de Estado.

 

 

6.3.14

Recenseamento eleitoral - consulta dos cadernos



Para efeitos de consulta e reclamação dos eleitores interessados, encontra-se exposto o caderno de recenseamento eleitoral, durante o mês de março, de 2.ª a 6.ª feira, no horário de funcionamento normal da Secção Consular da Embaixada de Portugal em Otava.

The Enchanting Beauty of Furnas Valley - Azores


The Enchanting Beauty of Furnas Valley - Azores.

The Furnas Valley is home to the Furnas Parish, a small isolated rustic community of about 900 dwellings, set within a 6km diameter crater of a dormant caldera surrounded by towering hills with geysers and fumaroles nested within the lush green landscape.

The caldera, exhibiting volcanic eruptive activity, is part of the Volcanic Complex of Furnas classified as an active stratovolcano. Since 1630, after the Azores were populated by the Portuguese, eruptions have occurred at regular century long spaced intervals.

Formed over 30 thousand years ago, the volcanic activity in the Valley is famous for its intermittent bubble-shower geysers and the many geothermal fumaroles together with a variety of thermal mineral water springs. Considered to hold one of the world’s largest thermal water resources, some waters are hot, some cold, some saline, some sulphurous and some are just sparkling.

Indeed, the nine islands of the Azores are laid in the mid-Atlantic ridge where Eurasian and North American tectonic plates collide. The whole archipelago was formed from about 32 active subaquatic eruptions raising the nine islands up from the ocean floor for many millions of years.

Read more here:
http://portuguese-american-journal.com/travel-the-enchanting-beauty-of-furnas-valley-azores/


Óbidos Medieval Market


Each July Óbidos castle hosts a traditional 'Medieval Market'. For two weeks the castle and the surrounding town recreate the spirit of medieval Europe.

Surrounded by its high town walls, Obidos is the ideal scenario for hundreds of extras and actors, fully dressed in medieval costumes, who animate the town’s streets, as they portray noblemen, beggars, mule-drivers, jugglers, musicians, jesters and dancers.

The main site of the entertainment events is located next to the castle, which will be the location of jousting tournaments, on horse and on foot, medieval dinners and the market, where everything is sold from medieval costumes to traditional home-made medical remedies.

Start Date: 2014-07-11 - End Date: 2014-08-04

Website: http://www.mercadomedievalobidos.pt/

Óbidos website: www.obidos.pt

Investir em Portugal


Apoio ao Investidor da Diáspora
 
O Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora tem competências na promoção, apoio e facilitação do investimento em Portugal originário das comunidades portuguesas e lusodescendentes.
 
O Gabinete, em articulação com a AICEP, assegura que o investidor possa beneficiar da adequada informação, bem como das melhores condições, dentro do quadro legal aplicável, à realização do seu negócio em Portugal.
 
Oferece o acompanhamento permanente dos projetos de investimento – ainda em fase de preparação e/ou já em curso – numa perspetiva de simplificar e agilizar processos, tentando assegurar uma “via verde” para o seu desenvolvimento.
 
Compete-lhe igualmente promover contactos e parcerias entre os investidores e entidades nacionais, tais como municípios, gabinetes de apoio ao emigrante das Câmaras municipais, câmaras de comércio e associações empresariais.
 
Sendo uma entidade com capacidade de ação em Portugal e ao mesmo tempo conhecedora das diversas realidades locais, através do apoio que beneficia da rede de Embaixadas e Consulados, constitui uma importante ferramenta no reforço da aproximação entre o tecido empresarial da Diáspora e Portugal.
Contactos:
 
Embaixada ou Consulado da sua área de residência para pedir mais informações.
 
Informações adicionais sobre investimento em Portugal na página da AICEP

Brevemente, 4º Concurso Universitário Internacional de Design & Multimédia


A Semana Cultural da Universidade de Coimbra, este ano na sua XVI edição, tem como mote REDES, “Redes em que nos movimentamos ou que nos circundam – de trabalho, sociais, de solidariedade, familiares, dos afetos, do ecossistema, do universo, de transportes, da música, redes de investigação, redes científicas.”

O Design e o Multimédia irão ter um papel importante nestas Redes que se celebram, à semelhança das últimas edições do Brevemente.

Este ano, realiza-se a quarta edição do Brevemente — Concurso Universitário Internacional de Design e Multimédia, destinado a todos os estudantes de expressão Portuguesa. Nas últimas 3 edições, conseguiu-se estimular e premiar a criatividade no meio académico, promovendo trabalhos oriundos de várias partes do mundo Lusófono, que de outra forma teriam apenas espaço dentro das portas das Universidades e dos Institutos Politécnicos.

Nesta nova edição, espera-se superar o sucesso das últimas edições onde se obteve, em média, mais de 65 trabalhos em inscritos por edição e uma taxa de rejeição acima dos 70%, reflexo de um acréscimo na qualidade e no número de participações. As alterações na orgânica deste concurso, alargar-se-ão ainda mais à diversidade, geográfica e conceptual, dos trabalhos inscritos.

O Júri da quarta edição é composto por Alice Geirinhas, Clara Almeida Santos, Lizá Ramalho, Luís Moreira e José Bártolo, todos reconhecidos especialistas na área do design ou da comunicação.

Até 31 de março aceitam-se a submissão de trabalhos.

Página principal da Brevemente aqui.

Mais informações aqui. 

Newsletter disponível aqui.

Poder-se-á inteirar dos resultados alcançados na terceira eidção do concurso através do relatório final que disponibilizamos aqui.

Brevemente - 4. Concurso Universitário Internacional de Design e Multimédia
Centro de Estudos Cinematográficos 
Rua Padre António Vieira, nº1 - Edifício AAC - 1.º Piso
3000 - 315 Coimbra
Tel. 239410408/07 Fax. 239823505
geral@brevemente.org | www.brevemente.org 

5.3.14

Com o alto patrocínio do Presidente da República, realiza-se em Cascais, nos próximos dias 30 e 31 de outubro, a 5th BioMarine International Business Convention.

 
Para mais informações, consultar o portal da BioMarine

4.3.14

António Zambujo - Nem às paredes confesso.

Veja o vídeo aqui.



Curso Mundial de Dirigentes Associativos da Diáspora - 2ª edição


 

No âmbito do apoio que a DGACCP tem dado à formação de dirigentes associativos, informa-se que vai realizar-se a 2ª edição do Curso Mundial de Dirigentes Associativos da Diáspora, uma iniciativa organizada pela Confraria dos Saberes e Sabores da Beira – Grão Vasco, com o Alto Patrocínio do Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas.
                                 
A iniciativa que irá decorrer em Lisboa, entre os dias 26 e 28 de março próximo, destina-se a portugueses e luso-descendentes, de preferência com alguma experiência associativa, tendo como objetivo reunir dirigentes associativos da diáspora portuguesa oriundos de diversos países da Europa e fora da Europa, reunindo, assim, diferentes experiências, saberes e conhecimentos das associações representadas.

O curso é constituido por uma componente teórica, onde os participantes terão acesso a um conjunto de informações/módulos com documentação útil e importante para o desenvolvimento do trabalho das associações, designadamente programas de ação, organização e gestão associativa, projetos e candidaturas, legislação e parcerias. Haverá também um espaço prático que permitirá visitas a realidades concretas das ações desenvolvidas por diferentes associações portuguesas da região da Grande Lisboa, bem como conhecer o trabalho que as autarquias desenvolvem junto do movimento associativo e partilharem as suas próprias experiências.

Este curso pretende, igualmente, que os participantes levem uma motivação acrescida, novas ideias e novos projetos que permitam dinamizar as respetivas associações junto das comunidades em que estão inseridos. De salientar, ainda, que o curso terá como principal “motor” o reforço da ligação de Portugal com a sua diáspora.

A seleção dos participantes será efetuada através da apresentação do esboço de um projeto associativo que entendam ser importante desenvolver em qualquer área –cultura, desporto, música, comemoração de efemérides (25 de abril, 10 de junho, 5 de outubro ou outras), com o mínimo de uma página e o máximo de duas páginas A4.

A ficha de inscrição de preenchimento obrigatório deverá ter a respetiva fotografia, a indicação do trabalho que desenvolve na associação ou na comunidade onde está inserido e as expectativas relativamente ao curso de formação. No entanto, o envio da candidatura não garante a participação no referido curso, que vai carecer de um processo de seleção através dos projetos enviados.

A ficha de inscrição e o esboço de um projeto devem ser enviados para a Direção de Serviços de Emigração através do endereço eletrónico – emi@mne.pt, até ao próximo dia 10 de março, impreterivelmente. 

A ficha de inscrição poderá ser obtida aqui.

Atuação de Nelly Furtado com António Zambujo na passada 6.a feira no The Elgin and Winter Garden Theatre em Toronto.




O Presidente da República condecorou na passada 6.a feira, em cerimónia realizada no Elgin and Winter Garden Theatre em Toronto, Ana Ochoa, Emanuel Linhares, Nelly Furtado, Ana Paula Lopes, Katia Caramujo, em representação da Luso-Can Tuna, e Jack Prazeres em representação da Luso Canadian Charitable Society.



3.3.14

Portuguese footwear industry plans to double exports by 2025



Portugal’s footwear industry is to invest Euro20 million this year and next year in marketing its products abroad, to establish itself as “the most sophisticated in the world.” The goal is to double exports over the next decade.

At a meeting with journalists on Thursday in Porto, the executive director of the industry association, APICCAPS, João Maia, said that 90% of the investment would be spent on international trade fairs.
The promotional actions include improving business communications for its 50 member companies, in order for them to provide them with greater visibility and “a differentiated image.”
 
The plan is budgeted at Euro1 million a year, with the goal to raise the sector’s profile and doubling exports by 2025 from the 2010 level of Euro1.2 billion. Last year, Portugal’s footwear exports rose 8% to more than Euro1.7 billion, a record value.
 
Next month alone,, Paulo Gonçalves the association’s communications director noted, the association and its members will be represented at 20 trade fairs around the world, with a view to being in contact with the “more than 100,000 importers” that are likely to be present.
 
Industry officials say they are optimistic about their chances of securing significant funding for such campaigns from European Union development funds, after receiving Euro55 million between 2007 and 2013.
 
With 1,696 companies and 41,295 jobs, the footwear industry is one of the country’s most important, exporting 95% of output at an average price of Euro23.45 a pair, behind only Italy.

Source: Lusa/Portuguese American Journal

Visita do Presidente da República a Toronto




Veja as fotografias aqui.

Arquivo - Archive

Followers